Você sente dor no calcanhar? Trate a fascite plantar com estes exercícios

0 views
0%

Uma das lesões que mais afeta os pés é a que ocorre entre a união do talão e a fáscia plantar.

Ela é conhecida como fascite plantar e consiste na inflamação da membrana que recobre a musculatura da parte inferior do pé.

Esta estrutura desempenha um papel muito importante para o organismo, já que é a responsável por manter o arco e absorver a energia que impacta o pé em cada passo.

As estatísticas sugerem que pelo menos 50% da população sofra este tipo de incômodo, seja por uma lesão, uma má escolha do calçado ou o desenvolvimento de uma doença.

A fascite plantar afeta com mais frequência os esportistas, assim como as mulheres grávidas e indivíduos com sobrepeso e obesidade.

Ela pode começar como um incômodo menor e avançar até o ponto de limitar o movimento e as atividades cotidianas da pessoa.

Seu sintoma principal é uma dor que ocorre na parte interna do calcanhar, mas também pode vir acompanhado de rigidez, inchaço e vermelhidão.

A boa notícia é que podemos combatê-la de forma natural através da prática de alguns exercícios de alongamento.

Você quer aprender a realizá-los?

Rodar a bolinha

Dor no calcanhar

Este simples exercício com uma bolinha diminui a inflamação causada pela fascite plantar e reduz a dor no calcanhar.

Como fazer?

  • Sente-se em uma cadeira, com as costas retas e apoiadas.
  • Coloque uma bola de tênis no chão e rode-a com a planta do pé.
  • Procure fazer com que a massagem atue ao longo de toda a planta para obter os benefícios.
  • Mova o pé para a frente e para trás com um pouco de pressão.
  • Mantenha o movimento durante 60 segundos, descanse e repita duas vezes.

Enrugar uma toalha

Esta atividade serve para melhorar a circulação nos pés e a sua flexibilidade.

Como fazer?

  • Coloque uma toalha no chão e coloque um dos pés sobre ela.
  • Usando somente os dedos, comece a enrugar a toalha e sustente por alguns segundos.
  • Volte à posição inicial e realize três séries de 10 repetições com cada pé.

Elástico de exercícios

Para fazer este alongamento dos pés você vai precisar de uma faixa elástica para fazer exercícios.

Com este elemento você poderá acalmar a tensão e reduzir a inflamaçãoque afeta a planta do pé e o calcanhar.

Como fazer?

  • Sente-se sobre um tapete de exercícios e coloque o elástico logo sob o arco dos pés.
  • Estique o elástico e tente elevar as pernas.
  • Mantenha a postura durante 30 segundos e descanse.
  • Coloque o elástico sob os dedos e alongue-os outros 30 segundos.

Ponta dos pés

Ficar na ponta dos pés é um movimento que fortalece os tendões no calcanhar e os músculos das panturrilhas.

Como fazer?

  • Fique em pé com as costas erguidas e eleve os calcanhares ficando na ponta dos pés.
  • Trate de elevar-se o tanto quanto conseguir e regresse à posição inicial.
  • Faça três séries de dez repetições.

Alongamento

O alongamento dos calcanhares serve para melhorar a flexibilidade no tendão e as panturrilhas. Sua prática reduz a dor e mitiga a sobrecarga pelo excesso de peso.

Como fazer?

  • Fique na ponta de um degrau ou step, apoie os dedos e deixe os calcanhares levantados no ar.
  • Desça os calcanhares o tanto que conseguir e suba lentamente para a posição inicial.
  • Complete 3 séries de 10 repetições.

Pés em arco

Os pés em arco trabalham toda a área plantar, assim como as panturrilhase o calcanhar. Esta posição pode ser realizada para diminuir a dor, a sensação de formigamento e a tensão.

Como fazer?

  • Fique em pé com os dedos dos pés para baixo no chão, mantendo o calcanhar apoiado e sem movimento.
  • Assegure-se de formar um arco com o pé e mantê-lo durante 15 segundos.
  • Relaxe e faça dez repetições.

Extensão do dedo

Esta atividade está centrada no trabalho dos músculos interósseos que suportam o arco dos pés.

Como fazer?

  • Sente-se em um lugar confortável e coloque uma pequena borracha ao redor dos dedos.
  • Estenda o tanto que puder e descanse.
  • Em seguida, coloque um separador de dedos, aperte e libere.
  • Faça 3 séries de 10 repetições cada uma.

Repita estes exercícios todos os dias para acalmar a fascite plantar em pouco tempo. Se você sentir que a condição não melhora, consulte seu médico para conhecer outras opções de tratamento.

Uma das lesões que mais afeta os pés é a que ocorre entre a união do talão e a fáscia plantar.

Ela é conhecida como fascite plantar e consiste na inflamação da membrana que recobre a musculatura da parte inferior do pé.

Esta estrutura desempenha um papel muito importante para o organismo, já que é a responsável por manter o arco e absorver a energia que impacta o pé em cada passo.

As estatísticas sugerem que pelo menos 50% da população sofra este tipo de incômodo, seja por uma lesão, uma má escolha do calçado ou o desenvolvimento de uma doença.

A fascite plantar afeta com mais frequência os esportistas, assim como as mulheres grávidas e indivíduos com sobrepeso e obesidade.

Ela pode começar como um incômodo menor e avançar até o ponto de limitar o movimento e as atividades cotidianas da pessoa.

Seu sintoma principal é uma dor que ocorre na parte interna do calcanhar, mas também pode vir acompanhado de rigidez, inchaço e vermelhidão.

A boa notícia é que podemos combatê-la de forma natural através da prática de alguns exercícios de alongamento.

Você quer aprender a realizá-los?

Rodar a bolinha

Dor no calcanhar

Este simples exercício com uma bolinha diminui a inflamação causada pela fascite plantar e reduz a dor no calcanhar.

Como fazer?

  • Sente-se em uma cadeira, com as costas retas e apoiadas.
  • Coloque uma bola de tênis no chão e rode-a com a planta do pé.
  • Procure fazer com que a massagem atue ao longo de toda a planta para obter os benefícios.
  • Mova o pé para a frente e para trás com um pouco de pressão.
  • Mantenha o movimento durante 60 segundos, descanse e repita duas vezes.

Enrugar uma toalha

Esta atividade serve para melhorar a circulação nos pés e a sua flexibilidade.

Como fazer?

  • Coloque uma toalha no chão e coloque um dos pés sobre ela.
  • Usando somente os dedos, comece a enrugar a toalha e sustente por alguns segundos.
  • Volte à posição inicial e realize três séries de 10 repetições com cada pé.

Elástico de exercícios

Para fazer este alongamento dos pés você vai precisar de uma faixa elástica para fazer exercícios.

Com este elemento você poderá acalmar a tensão e reduzir a inflamaçãoque afeta a planta do pé e o calcanhar.

Como fazer?

  • Sente-se sobre um tapete de exercícios e coloque o elástico logo sob o arco dos pés.
  • Estique o elástico e tente elevar as pernas.
  • Mantenha a postura durante 30 segundos e descanse.
  • Coloque o elástico sob os dedos e alongue-os outros 30 segundos.

Ponta dos pés

Ficar na ponta dos pés é um movimento que fortalece os tendões no calcanhar e os músculos das panturrilhas.

Como fazer?

  • Fique em pé com as costas erguidas e eleve os calcanhares ficando na ponta dos pés.
  • Trate de elevar-se o tanto quanto conseguir e regresse à posição inicial.
  • Faça três séries de dez repetições.

Alongamento

O alongamento dos calcanhares serve para melhorar a flexibilidade no tendão e as panturrilhas. Sua prática reduz a dor e mitiga a sobrecarga pelo excesso de peso.

Como fazer?

  • Fique na ponta de um degrau ou step, apoie os dedos e deixe os calcanhares levantados no ar.
  • Desça os calcanhares o tanto que conseguir e suba lentamente para a posição inicial.
  • Complete 3 séries de 10 repetições.

Pés em arco

Os pés em arco trabalham toda a área plantar, assim como as panturrilhase o calcanhar. Esta posição pode ser realizada para diminuir a dor, a sensação de formigamento e a tensão.

Como fazer?

  • Fique em pé com os dedos dos pés para baixo no chão, mantendo o calcanhar apoiado e sem movimento.
  • Assegure-se de formar um arco com o pé e mantê-lo durante 15 segundos.
  • Relaxe e faça dez repetições.

Extensão do dedo

Esta atividade está centrada no trabalho dos músculos interósseos que suportam o arco dos pés.

Como fazer?

  • Sente-se em um lugar confortável e coloque uma pequena borracha ao redor dos dedos.
  • Estenda o tanto que puder e descanse.
  • Em seguida, coloque um separador de dedos, aperte e libere.
  • Faça 3 séries de 10 repetições cada uma.

Repita estes exercícios todos os dias para acalmar a fascite plantar em pouco tempo. Se você sentir que a condição não melhora, consulte seu médico para conhecer outras opções de tratamento.

"> Uma das lesões que mais afeta os pés é a que ocorre entre a união do talão e a fáscia plantar.

Ela é conhecida como fascite plantar e consiste na inflamação da membrana que recobre a musculatura da parte inferior do pé.

Esta estrutura desempenha um papel muito importante para o organismo, já que é a responsável por manter o arco e absorver a energia que impacta o pé em cada passo.

As estatísticas sugerem que pelo menos 50% da população sofra este tipo de incômodo, seja por uma lesão, uma má escolha do calçado ou o desenvolvimento de uma doença.

A fascite plantar afeta com mais frequência os esportistas, assim como as mulheres grávidas e indivíduos com sobrepeso e obesidade.

Ela pode começar como um incômodo menor e avançar até o ponto de limitar o movimento e as atividades cotidianas da pessoa.

Seu sintoma principal é uma dor que ocorre na parte interna do calcanhar, mas também pode vir acompanhado de rigidez, inchaço e vermelhidão.

A boa notícia é que podemos combatê-la de forma natural através da prática de alguns exercícios de alongamento.

Você quer aprender a realizá-los?

Rodar a bolinha

Dor no calcanhar

Este simples exercício com uma bolinha diminui a inflamação causada pela fascite plantar e reduz a dor no calcanhar.

Como fazer?

  • Sente-se em uma cadeira, com as costas retas e apoiadas.
  • Coloque uma bola de tênis no chão e rode-a com a planta do pé.
  • Procure fazer com que a massagem atue ao longo de toda a planta para obter os benefícios.
  • Mova o pé para a frente e para trás com um pouco de pressão.
  • Mantenha o movimento durante 60 segundos, descanse e repita duas vezes.

Enrugar uma toalha

Esta atividade serve para melhorar a circulação nos pés e a sua flexibilidade.

Como fazer?

  • Coloque uma toalha no chão e coloque um dos pés sobre ela.
  • Usando somente os dedos, comece a enrugar a toalha e sustente por alguns segundos.
  • Volte à posição inicial e realize três séries de 10 repetições com cada pé.

Elástico de exercícios

Para fazer este alongamento dos pés você vai precisar de uma faixa elástica para fazer exercícios.

Com este elemento você poderá acalmar a tensão e reduzir a inflamaçãoque afeta a planta do pé e o calcanhar.

Como fazer?

  • Sente-se sobre um tapete de exercícios e coloque o elástico logo sob o arco dos pés.
  • Estique o elástico e tente elevar as pernas.
  • Mantenha a postura durante 30 segundos e descanse.
  • Coloque o elástico sob os dedos e alongue-os outros 30 segundos.

Ponta dos pés

Ficar na ponta dos pés é um movimento que fortalece os tendões no calcanhar e os músculos das panturrilhas.

Como fazer?

  • Fique em pé com as costas erguidas e eleve os calcanhares ficando na ponta dos pés.
  • Trate de elevar-se o tanto quanto conseguir e regresse à posição inicial.
  • Faça três séries de dez repetições.

Alongamento

O alongamento dos calcanhares serve para melhorar a flexibilidade no tendão e as panturrilhas. Sua prática reduz a dor e mitiga a sobrecarga pelo excesso de peso.

Como fazer?

  • Fique na ponta de um degrau ou step, apoie os dedos e deixe os calcanhares levantados no ar.
  • Desça os calcanhares o tanto que conseguir e suba lentamente para a posição inicial.
  • Complete 3 séries de 10 repetições.

Pés em arco

Os pés em arco trabalham toda a área plantar, assim como as panturrilhase o calcanhar. Esta posição pode ser realizada para diminuir a dor, a sensação de formigamento e a tensão.

Como fazer?

  • Fique em pé com os dedos dos pés para baixo no chão, mantendo o calcanhar apoiado e sem movimento.
  • Assegure-se de formar um arco com o pé e mantê-lo durante 15 segundos.
  • Relaxe e faça dez repetições.

Extensão do dedo

Esta atividade está centrada no trabalho dos músculos interósseos que suportam o arco dos pés.

Como fazer?

  • Sente-se em um lugar confortável e coloque uma pequena borracha ao redor dos dedos.
  • Estenda o tanto que puder e descanse.
  • Em seguida, coloque um separador de dedos, aperte e libere.
  • Faça 3 séries de 10 repetições cada uma.

Repita estes exercícios todos os dias para acalmar a fascite plantar em pouco tempo. Se você sentir que a condição não melhora, consulte seu médico para conhecer outras opções de tratamento.

&source=https://www.portalvidanaroca.com.br">